Como Garantir a Segurança Digital do seu Smartphone

Como Garantir a Segurança Digital do seu Smartphone

         Como garantir a segurança digital do seu smartphone? A tecnologia da última década foi sem dúvidas marcada pela chegada, desenvolvimento e popularização dos smartphones como ferramenta de computação portátil, comunicação e trabalho. Hoje em dia, temos mais celulares ativos que indivíduos vivos no Brasil e, para muitos, o smartphone já se tornou o principal dispositivo de computação.

            Se pararmos para pensar, poucos eletrônicos possuem tantas informações pessoais sobre nossas vidas quanto o smartphone: lista de contatos, localização em tempo real, fotos, vídeos, redes sociais, internet banking, conversas pessoais, documentos do trabalho, listas de anotações, e muito mais. É por isso que ao passo que conforme cada geração de smartphone chega ao mercado com melhorias nas câmeras de segurança, processadores e design, há também o constante foco na segurança desses aparelhos.

            É muito provável que seu smartphone atual tenha algum sensor biométrico como o reconhecimento facial ou leitor de impressões digitais, versões modernas do sistema incluem criptografia de arquivos, e algumas empresas incluem coprocessadores de segurança para ajudar contra invasores. Mas a verdade é que, sem hábitos de segurança digital por parte dos usuários, essas tecnologias sozinhas não dão conta de proteger o volume de dados de um smartphone. Por isso, acompanhe este artigo e aprenda a blindar seu celular contra invasores ou malware.

Protegendo a rede de internet – porta de entrada para o celular

defesa contra malware

            Uma das características mais importantes dos smartphones é a constante conexão com a internet, seja por Wi-Fi, 3G, LTE e agora as redes 5G. Não há um momento em que estes aparelhos não estejam conectados com a internet. O problema é que a internet continua sendo a principal ameaça à segurança digital, com ataques de phishing, redirecionamento de DNS, adware, instalação de aplicativos ocultos, entre outros.

            Para se proteger de ataques de redirecionamento ou interceptação dos dados, principalmente em redes públicas, basta instalar um aplicativo de uma VPN brasileira e ativar sua conexão, que irá criptografar os dados em trânsito da rede.

            Em aparelhos com Android, também é recomendável navegar até as configurações avançadas de Wi-Fi no sistema e configurar a opção “DNS Privado” com uma alternativa segura, como o Google DNS ou Cloudflare. Já no iPhone, é interessante ativar o recurso “Endereço Privado” ao se conectar em uma rede Wi-Fi.

Evitando aplicativos nocivos – defesa contra malware

            Outra possibilidade de ameaça à segurança de um smartphone é a instalação de aplicativos nocivos, como vírus ou adware, que usam seu smartphone para roubar dados ou gerar dinheiro às custas da performance do aparelho.

            Nesse contexto, os aparelhos Android são significativamente mais vulneráveis, pois permitem a instalação de apps de terceiros fora da loja Google Play. Para remediar a situação, é preciso ativar o recurso Google Play Protect nos ajustes da loja, serviço que irá verificar diariamente a lista de aplicativos instalados em busca de vírus. Também é possível empregar apps como o Malwarebytes para escanear o aparelho de tempos em tempos, com a possibilidade de remover vírus encontrados.

            No iPhone a tática mais comum para infectar usuários não consiste em um app com vírus, e sim, em um perfil de configuração instalado através do navegador Safari. O perfil aparece como anúncio nos sites dizendo ao usuário que o iPhone está lento e precisa de uma limpeza, e uma vez instalado, intercepta todos os sites acessados. Para verificar se o aparelho está infectado e limpar o adware, é preciso navegar ao app de Ajustes, depois a aba Geral, e por fim, “Gerenciamento de Dispositivos e Perfis” apagando todos os perfis de fontes desconhecidas. 

Boas práticas de segurança para smartphones

            Por fim, alguns hábitos podem ter efeitos significativos na segurança de dispositivos móveis:

  • Não faça root ou jailbreak: O acesso root no Android e o jailbreak no iPhone são técnicas usadas por usuários que desejam realizar customizações avançadas ou facilitar a pirataria nos smartphones. O problema é que, para isso, todos os mecanismos de segurança do sistema são desativados, deixando o aparelho extremamente vulnerável.
  • Atualize para a versão mais recente: em aparelhos com Android e iOS, correções de segurança para exploits encontrados nos sistemas chegam através das atualizações, como o iOS 14 e o Android 10. Por isso, sempre que possível, atualize para a versão mais recente do sistema operacional.
  • Desative a depuração USB: No Android, o recurso de desenvolvimento “Depuração USB” pode ter sido ativado para realizar alguns ajustes. Depois de usá-lo, desligue-o para evitar que qualquer um possa desbloquear o aparelho usando um cabo USB.
  • Use senhas fortes: com um aplicativo de gerenciamento de senhas, crie senhas fortes e únicas para cada login, incluindo a conta Apple ou Google usada para configurar o aparelho.

Após tudo isso, seu smartphone estará seguro e poderá ser usado para o trabalho, para a vida pessoal, e para qualquer aplicação sem que haja a preocupação constante com a integridade dos seus dados e informações mais importantes. Atente-se também aos golpes que usam o chip da operadora para funcionar, como a clonagem de WhatsApp, com cuidado para não fornecer dados pessoais em emails ou mensagens estranhas. Entenda também o que é e quais os benefícios da tecnologia 5G.

Fredson Santana

Fredson Santana

Mim chamo Fredson Santana, sou fascinado por tecnologia e amo trazer novidades do mundo dos smartphones e computadores, aqui no site. Também sou YouTuber, sendo que gravo vídeos semanalmente para meu Canal FVCLine.

Deixe o seu comentário! Os comentários não serão disponibilizados publicamente

Outros artigos

Mentoria SEO: Vale a Pena fazer?

Mentoria SEO: Vale a Pena fazer?

No artigo de hoje, abordaremos sobre a importância de fazer uma mentoria SEO e quais são os benefícios de ter o seu site ranqueado nas primeiras páginas de resultad...

Ler artigo

Otimizado por Lucas Ferraz.