Ministério da Ecomimia Rejeita Pedido de Concurso do INSS

Ministério da Economia Rejeita Pedido de Concurso do INSS e MPF Entrará com Ação na Justiça

Compartilhe

Após recomendação encaminhada pelo MPF para que o ministro da economia autorizasse o concurso do INSS, o pedido foi rejeitado. O Ministério da Economia informa que não será possível realizar o concurso do INSS devido a situação financeira enfrentada no Brasil. Diante disso, o Ministério Público Federal (MPF) informou que entrará com ação na justiça para que o concurso público seja realizado.

Para Mais Informações sobre a recomendação encaminhada pelo STF, Leia: O MPF Encaminhou Pedido Para Autorização do Concurso

 

Segundo o Ministério da Economia, a situação fiscal do país limita e dificulta a realização de concurso público para o INSS, de acordo com a pasta, tal ação acarretariam impactos orçamentário tanto para 2019 quanto para os próximos anos. Ainda de acordo com o ministério, está existindo um trabalho em conjunto com o INSS a fim de implementar meios alternativos para a melhoria do desempenho do órgão.

Na recomendação feita em março deste ano ao ministro Paulo Guedes, pedia a autorização do concurso e que o INSS elaborasse um cronograma para a realização do certame. O prazo dado foi de até 180 dias para a posse dos candidatos aprovados.

Após governo negar a realização de concurso para o INSS, a procuradoria da república do DF confirmou que levará o caso à justiça, a ação civil pública já foi assinada.

 

Devo continuar estudando para o inss?

Você concurseiro que está estudando para este concurso fique atento às noticias e informações referentes ao concurso do INSS, porém não se desespere diante desse momento. Apesar do pedido feito pelo STF ter sido negado pelo ministério da economia, a necessidade de concurso para o órgão é de extrema necessidade, diante do caos no serviço público.

Apesar do governo ter criado medidas alternativas para amenizar o caos no atendimento ao público, a lentidão ainda é grande e a necessidade de servidores já foi comprovada.

O correto é continuar o foço nos estudos, manter a calma e torcer para que breve isso se resolva e o Edital seja autorizado. 

 

Compartilhem nossos posts e nos sigam no Pinterest!

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *